Um bom lugar para se viver

É, sinto saudades daquela velha cidade, muitas vezes calma e tranquila para se viver.
No qual, eu cresci andando pelas ruas daquela cidade, mas tão nova acabei saindo de lá, e indo para a cidade grande.
É, eu realmente fiquei um bom tempo sem voltar para lá, ao menos para uma visita, acho que ia uma vez por ano e olhe lá.
Mas Era um bom lugar para se viver e hoje ao voltar para a minha cidade, eu me vejo lá, andando por aquelas velhas ruas no qual eu tanto aprontei.
Aquela tranquilidade, que não é, nem perto de onde eu vivia que por sinal, era bastante agitado, é, confesso que esse mudança  bastante radical, me afetou bastante, mas hoje já consigo me acostumar com essa tranquilidade que é, onde eu voltei a morar.
A única diferença é, que eu em vez de morar naquela casa que eu morava antigamente aqui, que já não existe mais e foi vendida e construída uma outra casa no lugar, é, que eu vou morar lá, fora, sim no meu fora aquele que eu ia desde a infância que também é, meu e dos meus irmãos, começei construindo uma casa para vir de 15 em 15 dias a uns dois anos atrás, mas então resolvi que ia me mudar, ou voltar para meu lugar de origem.
A cidade mudou bastante, mas também continua com aqueles mesmos ar da minha infância, talvez nem tanto assim.
Mas as pessoas continuam se reunindo nós mesmos pontos de encontros, claro que só foram mudando os nomes, os donos mas os locais continuam os mesmos.
É, aquela cidade tranquila, onde eu deixava minha bicicleta na frente do mercado por horas e horas e naquele fim de tarde eu voltava para buscar, é, os anos podem se passar mas concerteza essa cidade segue tranquila e calma naqueles fim de tarde de domingo, em certas ruas, pois afinal o ponto de movimento é, de noite pelo centro da cidade e também encontros, jantas e junção de amigos antes de alguma festa.
Mas enfim só tenho a dizer que só quem sabe como é, voltar ao seu lugar de origem sabe o quanto é, bom, estranho e ao mesmo tempo as velhas recordação, aquelas pessoas que passam por você na rua e te reconhece depois de tanto tempo.
É confesso que agente estranha  bastante mas acaba se acostumando, ali onde tudo é, pertinho, que você faz as suas voltas tranquilas e sem se preocupar em ser assaltada enfim é, um lugar tranquilo e calmo de se viver.

PS : eeenfim atualizado o blog, é, eu estou com um resfriado e por isso não consegui atualizar antes não conseguia ficar na frente do PC. Pois é, hoje eu consegui, também estou fazendo uns serviçinhos e provavelmente até domingo a noite eu não terei muito tempo para ficar no PC na medida do possivel, vou tentar postar e também Lêr alguns blogs :}
pauta para o  : Silaba Tônica
a historia é, ficcticia

12 comentários:

  1. Eu tambem mudei muito nova da minha cidade.
    é muito ruim, saírmos de um lugar calma para outro muito movimentado.
    Beiijos

    ResponderExcluir
  2. Já me mudei muito, mas nunca de estado.

    ResponderExcluir
  3. Enquanto você contava a história conseguia imaginar o lugar e a vida ali.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Muito bom estar num lugar que tem forte relação conosco.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  5. Quem não sente falta de algum lugar, heim? :/

    ResponderExcluir
  6. Ana
    Achei que ficou ótimo o texto e a frase se encaixou perfeitamente.
    O assunto que você colocou como tema é uma fase que todos nós vivemos e foi muito bem expressado.
    Parabéns!

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Muito bom o texto, me fez lembrar de Marechal Cândido Rondon - PR. Já visitei duas vezes essa cidade, simplismente incrível, muito calma, tranquila.
    Sucesso menina, bjs!
    ^^.

    ResponderExcluir

Obrigado a todos que comentem, aos que me seguem e até mesmo os que visitam raramente, fazem parte da história deste blog!